Extrativismo sustentável da Cagaita
Organize uma exibição

Ainda não entendeu como funciona uma exibição no Videocamp? Clique aqui!

Circuito Tela Verde - Ministério do Meio Ambiente Apresenta:

Extrativismo sustentável da Cagaita

Livre 2014 6min

pt-br

O download deste filme está disponível para exibições via Videocamp. Organize sua exibição clicando aqui.

O vídeo dá destaque à cagaita, fruto nativo que sempre esteve nos hábitos alimentares de comunidade do Cerrado, mas só mais recentemente esta fruta ganhou mercado nas cooperativas da região. O vídeo mostra o pequeno agricultor na região da Chapada Gaúcha, em Minhas Gerais, onde a cagaita serve como potencial de preservação das espécies típicas do bioma e como fonte de geração de renda.

Dirigido por

Diego Mendonça, Farid Abdelnour e Eduardo Garcês

Produção

Gunga

Coprodução

--

Patrocínio

--

Apoio Oficial

--

Categoria

Documentário

4 Avaliação
1 Exibições
12 audiência
12 aud.total
  • Online (YouTube, Vimeo, etc)
  • Exibições Públicas via VIDEOCAMP
  • Cinema
  • Sob Demanda (iTunes, Now, etc)
  • Outras mídias (DVD, Blu-ray, mídia kit, etc)

Comentários

Ficha completa

Extrativismo sustentável da Cagaita (2014)

Classificação etária: Livre

O download deste filme está disponível para exibições via Videocamp. Organize sua exibição clicando aqui.

Dirigido por Diego Mendonça, Farid Abdelnour e Eduardo Garcês

Produção Gunga

Coprodução --

Patrocínio --

Apoio Oficial --

Categoria Documentário

Tema Cultura Meio ambiente

ODSs ODS 15 - Vida Terrestre

Áudio e Legenda

Audio Portuguese BR

Legenda --

Closed Caption --

Audiodescrição --

Linguagem de Sinais --

Sinopse

O vídeo dá destaque à cagaita, fruto nativo que sempre esteve nos hábitos alimentares de comunidade do Cerrado, mas só mais recentemente esta fruta ganhou mercado nas cooperativas da região. O vídeo mostra o pequeno agricultor na região da Chapada Gaúcha, em Minhas Gerais, onde a cagaita serve como potencial de preservação das espécies típicas do bioma e como fonte de geração de renda.